segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Eu escrevo pra dizer que te amo


(Foto de Lara Luz)
eu esqueci você. temia tanto ouvir você dizendo isso, porque por mais que você não me amasse mais, por mais que você tivesse ódio de mim, o que eu mais tinha medo era que você me esquecesse. você significou tanto pra mim, tanto tanto tanto. se você me pedisse pra buscar uma maçã bem vermelha, eu iria. eu correria o mundo inteiro, mas te trazia a maçã, sem nenhum arranhão, só pra te ver feliz. te ver tão feliz, do jeito que eu nunca fui.
eu superei você. não sei o que é pior, se é eu te ouvir dizendo que me esqueceu, ou se é você me ouvir dizendo que te superei. mas você me saca, você me olha nos olhos e diz "você está blefando de novo, quando você diz e fica sério, levantando um pouco o lábio, passando a mão em baixo do olho, virando um pouco o rosto é porque você está blefando." e eu te olho, e penso – com raiva – "pare de me conhecer tanto, de me traduzir assim, fácil, eu sou díficil pô, quantos caras nesse mundo dariam a vida pra ficar comigo, e você me esnobando, porque você não tem culpa de ser o cara mais perfeito e mais cabeça dura do mundo, que eu amo tanto."
eu amo você. como você consegue ser a pessoa que eu mais odeio e a pessoa que eu mais amo todo o tempo? talvez eu não te ame por você fazer a barba da maneira que eu gosto, ou de mandar uma mensagem às 2:30 da manhã dizendo que agora que se deu conta do que tem nas mãos, talvez eu te ame porque você me faz te odiar tanto, que eu não consigo desejar sua morte, que eu só consigo desejar que você viva, viva, viva pra mim. talvez eu não te ame porque você me olha triste querendo me abraçar quando tudo parece desmoronar, talvez eu te ame porque você é tudo que eu jamais consegueria ver em alguém, de uma forma que eu não consigo dizer, só consigo amar, que eu preciso desabafar assim escrevendo pra você. quando sentir a brisa do vento, é o meu eu dizendo que ainda te esperas.

- Douglas Lenon com carinho para alguém muito especial
12 de setembro de 2010

7 comentários:

  1. Lindo demais!

    "como você consegue ser a pessoa que eu mais odeio e a pessoa que eu mais amo todo o tempo?"

    Parabéns!! Vc escreve maravilhosamente bem!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Sou só uma passageira perdida, não conheço o blog mais achei ele lindo.

    Muito boa sorte na sua caminhada.
    Grande beijo.

    ResponderExcluir
  3. Hi, I appreciate that you found my image appropriate to use for your blog post but I'd love it if you could credit me for it. My name is Lara Luz - my website is www.laraluz.com
    Cheers,
    Lara.

    ResponderExcluir
  4. ADOREI!!

    Adorei seu blog, esse texto...e quem gosta vive disso...sentimentos.

    beijos

    ResponderExcluir