quinta-feira, 30 de setembro de 2010

sabe do que tenho saudade? de quando a gente se enfia debaixo do cobertor. fico abismado como pode a terra ter tanta pirâmide, tanta fábrica de cerveja, tanto estádio de futebol coberto, tanta ilha nudista, tanto vulcão, e tudo que é legal se resumir debaixo da penugem de um cobertor quadriculado, mordendo seu queixo, te incomodando com beliscões, brincando de vulcões íntimo-particulares com aquele meu ar de sabichão, se é que me entende. entende, entende.

- Gabito Nunes in Sabe do que sinto saudade

Nenhum comentário:

Postar um comentário