terça-feira, 12 de abril de 2011

portanto, escrevo para obter respostas que - eu sei - não existem... por isso continuo escrevendo.

- Lya Luft in Escrever, por quê? pertencente a obra “Pensar é transgredir”

Um comentário:

  1. aah, amei esse trecho :], http://amandabaracho.blogspot.com/

    ResponderExcluir