segunda-feira, 4 de julho de 2011

a esperança era o meu pecado maior.
cada dia renovava-se a mesquinha luta que eu encertara pela salvação daquele homem. eu queria o seu bem, e em resposta ele me odiava.

- Clarice Lispector in Os Desastres de Sofia pertencente a obra “A Legião Estrangeira”

Nenhum comentário:

Postar um comentário