segunda-feira, 18 de julho de 2011

Pra que você possa entender

engraçado que a vida é o seguinte: você nunca vai se contentar com aquilo que tem. você sonha com o seu amor, você idealiza aquele relacionamento lindo, e então você conquista ele. acabou a graça entende? depois que você chega no ponto, depois que você chega naquilo que você julga ser o passo mais importante da sua vida no momento, parece que toda glória que você pensou ter, não era bem esse sentimento que você tá sentindo agora.
eu vivo pra ver se conforme os dias passam, eu me dê mais conta de como a gente é descartável na vida de certas pessoas. eu vivo porque o que resta de nós, é acreditar em nós mesmos. eu vivo pra impedir que a festa acabe e que você sempre apareça com um novo perfume, que traga carinho até, porque a gente vive de amor sim, ninguém é frio o bastante a ponto de não se comover.
cada um sabe onde pesa mais, onde dói mais. eu queria entender qual é a razão, o contexto da
procura e do viver. por que os dois se cruzam a todo momento? viver sempre vai levar a procura, e a procura sempre vai te fazer viver. porque você se machuca, você ama, você cuida, almeja, precisa, tenta, até mesmo esquece, mas você sente que tá vivo. sente que dói. sente que tá ali em carne, osso e coração. viver e não ter a vergonha de se machucar. procurar e se tudo der certo, encontrar aos poucos, porque quando a gente encontra tudo, não desejamos mais nada. você ainda vai se apaixonar pela procura, e viver dela.
- Douglas Lenon

2 comentários:

  1. Adoro seus posts.. adoro seu blog....
    Tô "bizoiando' seu blog sempre...

    Passa lá no meu, tem selinho para vc, pega lah...

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Muito boa essa sua postagem. Adorei. Se não se importa, eu á publiquei em meu blog. :)
    Beijos. E adorei seu blog.

    ResponderExcluir