sexta-feira, 25 de novembro de 2011

dizer não pra você
é como fincar em mim mesmo um prego
crucificado seja o meu amor
dizer não pra você
é flagelo fecundo
me firo inteiro e cego
dizer não pra você é um tour
pelo inferno

- Martha Medeiros in Cartas Extraviadas e outros poemas

Nenhum comentário:

Postar um comentário