domingo, 12 de agosto de 2012

23º dia - "talvez tudo isso seja, quem sabe, um lugar muito próximo da felicidade?" (Caio Fernando Abreu)

você olha em volta e começa a perceber que o amor chegou mas não sabe se realmente é na sua porta que ele anda batendo. talvez hoje não seja o 23º dia sem ele e sim o 1º. se eu pudesse trazer uma praia pro lado da cidade grande, quem dera eu fazer teu coração bater mais forte. de repente a vida nos traz uma escolha que a gente se quer sabia que existia.
saudade de fechar os olhos e sentir teu abraço quentinho, tua respiração próxima ao meu ouvido e teu beijo doce, acordar no meio da manhã e sentir você me puxar com a mão sobre seu peito. só Deus sabe como eu fechei os olhos hoje de manhã e agradeci cada segundo, cada milésimo de segundo perto de você. e eu entendo esse teu jeito quieto, esse teu jeito manso de fazer as coisas com calma e demonstrar nas entrelinhas, eu tenho um mal de pessoas que acreditam no futuro e eu acredito em nós, nós dois.

- Douglas Lenon

Nenhum comentário:

Postar um comentário