terça-feira, 6 de agosto de 2013

29º dia - "seja eu e por favor veja o que dá pra fazer com isso. porque eu não sei." (Tati Bernardi)

quem sabe o coração esteja aberto a novas negociações nesse período sem você. talvez seja um período em que eu me conheça melhor ou que eu lembre de mim, de quem eu era antes de você aparecer. tento, tento, tento e nada. eu só consigo imaginar como seria se você tivesse aqui de volta, penso quantas vezes será que você vai colocar Open your eyes do Snow Patrol pra tocar dizendo que a música foi escrita pra nós, pra gente não esquecer do nosso amor. eu digo pra mim que não vou mais tolerar esses seus sumiços e que de uma vez por todas vou acabar com tudo isso. mas você me conhece e abusa disso. e hoje aqui sem você... digo que não te quero mais e no fundo estou fazendo mil planos pra quando você voltar. eu só queria teu carinho todas as noites, tua bondade, teu cheiro, teu corpo, teu jeito de falar, tu. queria todos os seus pedaços pra montar você pra mim, construir você de volta e te amar novinho em folha. de repente as coisas parecem que poderiam ser muito mais fáceis, mas a gente acaba complicando tudo, viver sem você parece um eterno agosto que começa prometendo, não cumpre nada e ainda por cima te deixa angustiado.

- Douglas Lenon

Nenhum comentário:

Postar um comentário