segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Conselhos para uma vida a sós

pra ser bem sincero com todos vocês, eu só queria a minha vida de volta. aquela vida que você reclama tanto mas é o que tem de mais legal no mundo! reclama de não ter ninguém, e não ter ninguém quem sabe é a maior liberdade que a gente já teve. a maior liberdade que nós temos.
por isso, eu aconselho vocês a serem 100% vocês. não existe outra pessoa melhor que você possa confiar quando chega no fim. você é o que você tem, o que você sente, o que você compra. esse é você. ninguém sai comprar roupa pra você quando as suas começam a se repetir, pior que isso, ninguém se coloca no seu lugar quando você tá doente. ninguém realmente cuida melhor de nós mesmos do que nós próprios.
parece até uma lógica narcisista, mas viver a sós, exige muita louça pra lavar, muita roupa pra passar, muito pó pra tirar, muita paciência pra viver bem. vai dizer que a vida não é um eterno resta um? sempre resta a gente mesmo.
uma vida a sós requer mais livros do que força, então fique atento. estude as possibilidades de viver feliz consigo mesmo, talvez a companhia dos animais de estimação não seja tão ruim assim, uma vez que eles não falam e não te argumentam sabe? eu particularmente prefiro os livros, alguém precisa conversar comigo nesses dias chatos.
portanto comece fazendo hoje o que você queria ter começado quando você deu o primeiro passo, não deixe pra amanhã quem você pode deixar pra sempre, não deixe de lado quem você pode deixar agora, não escute quem fala muito, só um olhar diz muita coisa. afinal o corpo fala. não deixe de lembrar pra sempre quem te esqueceu, um pouco de lembranças a gente guarda numa caixa e desenterra depois de anos e você vê que aprendeu muito mais com essas decepções do que com qualquer outra coisa que possa existir.

- Douglas Lenon

Nenhum comentário:

Postar um comentário