sábado, 15 de setembro de 2012


venha quando quiser, ligue, chame, escreva – tem espaço na casa e no coração, só não se perca de mim.
28 de maio de 1984

- Caio Fernando Abreu in “Cartas” à Luciano Alabarse

Nenhum comentário:

Postar um comentário