segunda-feira, 1 de agosto de 2011

sem falar que estava permanentemente ocupada em querer e não querer ser o que eu era, não me decidia por qual de mim, toda eu é que não podia; ter nascido era cheio de erros a corrigir.

- Clarice Lispector in Os Desastres de Sofia pertencente a obra “A Legião Estrangeira”

Nenhum comentário:

Postar um comentário