quarta-feira, 16 de maio de 2012

mais ou menos é optar pela sobriedade da desilusão, é abandonar a alienação, é abdicar de trombar prazeres e perigos em esquinas, é se esquivar de ser a pista para um avião em pouso de emergência, é descer do trem e dormir agarrado no pilar da estação. te quero acreditando de novo ou ameaçando pular do quinto andar. caminhando nas nuvens ou perdendo o chão. te quero com gosto de kiwi, de boldo, de anchovas ou de leite condensado, de soro fisiológico não.

- Gabito Nunes in Mais ou menos

Nenhum comentário:

Postar um comentário