domingo, 1 de maio de 2011

o demônio é criativo, é sexy, é surpreendente e pode ser um doce, quando bem tratado. ao menos aqui em casa é assim. quando meu namorado se atrasa, eu não o recebo com um "por onde andastes, Santo Deus?". muito dramático. eu pergunto: "onde é que tu tava, diabo?". não fica mais informal e carinhoso?

- Martha Medeiros in Simpatia pelo Diabo pertencente a obra “Doidas e Santas”

Um comentário: