sexta-feira, 2 de abril de 2010

é humilhante doar seu corpo e seus sentimentos a alguém, e dez minutos depois ele fingir que nada aconteceu, que sou ninguém.
sabe, tenho certeza que ele não gosta mais de mim, no começo era tudo tão diferente, era tão mais atencioso com minhas necessidades, mais carinhoso comigo. não vinha para cá sem um presentinho na mão. hoje ele é tão interesseiro, quando tudo que faço é oferecer, oferecer, oferecer, sem pedir nada em troca. e o que eu ganho? não suporto mais essa situação.
será que preciso deixar postado na geladeira um lembrete diário: 'ei, eu preciso de amor!'. quero alguém que esteja sempre do meu lado, que se dedique a mim, que saiba que não sirvo apenas para fazer sexo.

- Gabito Nunes in Se eu fosse você

Nenhum comentário:

Postar um comentário