quinta-feira, 15 de abril de 2010

todo dia é uma ocasião especial. guarde apenas o que tem que ser guardado: lembranças, sorrisos, poemas, cheiros, saudades, momentos. “guardar uma coisa é vigiá-la, isto é, fazer vigília por ela, isto é, velar por ela, isto é, estar acordado por ela...” guarda-se o que há dentro de nós. o resto é para ser usufruído.

- Martha Medeiros in Guardar pertencente a obra "Trem-bala"

Nenhum comentário:

Postar um comentário