sábado, 10 de abril de 2010

o anjo se desprende desse teto escuro
e o fumo se eleva sobre a rosa:
é hora, dá-me a tua mão
e vem comigo pelo espaço.

- Lúcio Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário