terça-feira, 28 de setembro de 2010


entendo porque ele não tem vontade de trabalhar, porque bebe tanto e dorme na poltrona; porque sempre parece distraído, e é tão fácil gostar dele. é fácil gostar de quem não se finge de forte, e se entrega à fraqueza para ser mais real.

- Lya Luft in O ponto cego

3 comentários: