sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Questão de dignidade


hoje me vi em uma situação muito constrangedora, não vou detalhar o que aconteceu, mas vou dissertar mais ou menos sobre a situação.
não gosto muito de pessoas que falam através de outras pessoas, eu gosto do que é claro, quando você tiver algo para falar comigo venha e fale comigo, se o problema é comigo, a única forma de se resolver é vindo até mim. hoje em dia as pessoas pensam muito em como falar, e acabam não falando. não costumo resolver as coisas com brigas, nem por telefone sem fio, quando o assunto diz respeito a mim eu não vejo problema algum – pelo contrário, eu vejo solução – em ir até o foco do problema.
acho anonimato uma das coisas mais vergonhosas que existe, e existe muitas pessoas assim, eu sei. eu dou minha cara a tapa não importa em qual situação eu esteja, dar a cara a tapa é ser leal consigo mesmo. confio em mim, sei do que sou capaz, e sempre estive do lado de quem se entrega, que não vive nos bastidores, no escuro.
acho que um dos fatores de o mundo estar como está hoje, é por causa desse anonimato ridículo, sei que a expectativa de vida para pessoas como eu é pequena, ainda mais se entrar na política, aí não existe nem estimativa de vida, nesse clima de eleição, o anonimato se aproxima cada vez mais, eu prefiro morrer do que viver uma vida no escuro, de mentira, ah disso eu não vivo mesmo.

- Douglas Lenon
13 de setembro de 2010

2 comentários:

  1. Gostei muito do post...
    E me identifiquei muito!
    Sou do tipo que não gosto de rodeios, se estou com um problema com alguem, eu chego, converso e resolvou, digo tudo o que penso e na maioria das vezes acabo sendo franca demais, mas percebi que assim as coisas funcionam bem e quando o problema é comigo, gosto que façam do mesmo jeito, criticas são sempre construtivas, paro, faço uma auto-analise e reavalio meu modo de ver e agir.
    Sim sim, gostei muito do seu post!

    ResponderExcluir
  2. ' hoje em dia as pessoas pensam muito em como falar, e acabam não falando.'A mais pura verdade, Douglas! ;~ e tenho raiva disso!! hahahahaha
    Seria bem mais fácil se todos fossem sinceros e falassem o que pensam! Tá que a verdade incomoda, mas é melhor do que ficar mergulhado num mar de ilusões!

    ResponderExcluir