segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

nenhum pensamento meu tem o poder de te machucar, nenhum mundo para onde eu vá tem o poder de te causar desespero. e eu preciso te sentir na minha ratoeira, eu preciso atirar nas suas asas que sobrevoam meu sossego. você sempre me deixa, mesmo ficando colado comigo.

- Tati Bernardi

Nenhum comentário:

Postar um comentário