sexta-feira, 26 de março de 2010

vou agora te contar como entrei no inexpressivo que sempre foi a minha busca cega e secreta. de como entrei naquilo que existe entre o número um e o número dois.

- Clarice Lispector

Nenhum comentário:

Postar um comentário