terça-feira, 10 de agosto de 2010

essa morte constante das coisas é o que mais dói.

- Caio Fernando Abreu

OBS: é exatamente esse o momento, Caio falar por mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário