sexta-feira, 13 de agosto de 2010

por pior que fosse a mãe, seria genial poder ligar e falar: “ei, você aí, olha só, dane-se você se você escolheu me ter ou não, você é a única pessoa do mundo para quem eu tenho vontade, e coragem, de dizer: sinto medo”.

- Fernanda Young in Aritmética

nota de rodapé: mãe, hoje é seu aniversário, meu eu não tenho o que escrever pra você, só agradecer, te amo tanto tanto tanto tanto, minha linda ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário