terça-feira, 23 de novembro de 2010

Do que foi não, do que está sendo


vida difícil essa não? não vou mentir dizendo que depois do relacionamento posso ser seu amigo, porque eu não posso. meu lado do mal aflora quando o relacionamento termina. eu sinto prazer em te esnobar, eu gosto que você venha me ver justamente para que você veja o quão forte eu sou sem a sua presença. depois de você só é possível melhorar agora.
entrei no meu inferno astral hoje. vamos ver no que dá, dizem que o nosso inferno astral é quando começa o signo antes do nosso. não que eu acredite muito em astrologia, porque esse inferno precisa ser algo bom, estou farto do inferno que foi esse ano para mim. quantos merdas eu consegui encontrar esse ano, não dá para contar nos dedos. mesmo me achando maturo, ainda acho que preciso crescer mais. me desenvolver mais.
ainda volto para casa e me escondo em baixo da cama da minha mãe para sempre. mesmo que tenha o monstro ali que minha mãe vivia dizendo, talvez a companhia dele seja melhor que muita companhia por aí. dessa vez eu não chorei tanto como das outras vezes que passaram, eu quis te eternizar em uma frase, quis te mostrar que o mundo poderia ser um lugar melhor caso nós estivéssemos dentro do mesmo. nunca te perguntei o que você realmente acha de mim, talvez porque você não tinha concluído nada ainda sobre estar com alguém que te faria mudar de ideia, de vida, de casa. ou talvez porque você não tenha nem certeza sobre si mesmo, quem dirá de alguém que faria uma metamorfose na tua vida.

- Douglas Lenon
22 de novembro de 2010

2 comentários:

  1. Lindo post!
    Pois sem vc posso ficar ainda mais forte...fraco

    ResponderExcluir
  2. Que lindo! Parabéns pelo blog. É minha primeira visita e confesso que adorei. Beijos

    ResponderExcluir