sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

20 minutos


em 20 minutos você é só meu. e eu sou a pessoa mais feliz do mundo. eu sou para casar meu amor. eu tenho disponibilidade sempre que possível. eu amo fazer massagem, e eu te quero. precisa de mais alguma coisa? nesses 20 minutos acontece tanta coisa, pessoas morrem, aviões decolam, pessoas compram casas, vidas mudam, pessoas somem, e nesses 20 minutos você é meu, só meu. vai chegar um dia que isso vai acabar e eu só queria aproveitar o agora.
não sou uma pessoa de relacionamentos, acho isso bem relativo. eu trairia na certa, como você também trairia. e eu acho que esse lance de relacionamento aberto não vai, desanda rápido. se fossemos feitos um para o outro não teria graça estar aqui agora escrevendo para você. você é tudo que um dia eu quis ter, mas quis ter por 20 minutos, ou quem sabe durante uma noite se der sorte.
se um dia você me perder, ou eu te perder, ou a gente se perder por aí, pense em mim por 20 minutos, coloque a mão no coração, sorria, olha para o céu, e pensa em nós, pensa em como eram lindos aqueles 20 minutos, os quais falávamos de música, de vida, de sexo, de noites. eu sou seu durante 20 minutos nem um pouco mais, nem um pouco a menos. mas caso um dia quiser fazer um segundo tempo de mais 20 minutos sabe onde me encontrar, tenho disponibilidade nos acréscimos também.

- Douglas Lenon
17 de dezembro de 2010

Um comentário: